quarta-feira, 17 de julho de 2013

Amigo Das Estrelas

Sou amigo das estrelas
Te contemplo ao lado do brilhar solúvel
Em plena órbita de meus pensamentos que tu vagueias
Nenhum astronauta conquistaria teu mundo sem amor
O Sol me disse que o espaço não é infinito se não houver destreza
Buscaria até as nebulosas para te proteger
Seria um astro fumegante cortando os caminhos do coração
Mas sou amigo das estrelas
Tenho a claridade na escuridão e a certeza do dia ensolarado
No teu estandarte descubro o azul do céu
Em tua alma encontro gratidão
Não conheço a dor, reconheço tua cor, mesmo incolor
Pintando um universo melhor, tendo o bem vencendo o mal
Sou amigo das estrelas brilhando em teu amor sideral.