sexta-feira, 17 de julho de 2015

Lapidar

Te encontrei como uma joia, como diamante
Teu sorriso é o que mais brilhava em meio à pouca luz
De tudo que nos cerca você é o que mais me seduz
Nem sei o quê em todo este mundo te faz ser tão cintilante.

Saber que está presente na minha caminhada me faz seguir avante
A cada dia poder lapidar o amor que em mim toca forte
Louca paixão que rapta meus sentidos para sul ou para norte

Ainda que pequeninos em uma mina me sinto gigante.

Tudo se passou no espaço de tempo bem derrapante
Mas cheguei até onde eu sempre propus
Tu tens a preciosidade, a bondade de existir, aquilo que em mim reluz
Mesmo se ficar sem te ver por mil anos, te reconheceria num simples instante.

Foi tudo meio sem querer, na busca pelo ouro o destino nos fez debutantes
E assim, nas altas montanhas minadas encontrei minha sorte
Com leve brisa o tempo eternizou o desejo de ser eterno amante.